Carnaval em pleno abril: veja como e onde curtir

Rio de Janeiro e São Paulo anunciaram desfiles das escolas de samba. Blocos de rua não estão confirmados, mas várias festas privadas estão programadas para o feriado

Os fãs de Carnaval de todo o país ficaram decepcionados quando, depois de muita espera, a festa foi novamente cancelada em 2022 por conta de um novo aumento do número de casos de covid-19. No entanto, com o aumento da cobertura vacinal em todo o país, a expectativa geral é de que tenha folia em abril.

A previsão foi antecipada logo depois que o Carnaval foi cancelado pela maioria das prefeituras, já que as escolas de samba já vinham se preparando e estavam com praticamente tudo pronto para os desfiles. Eles não foram cancelados, mas adiados para o feriado de Tiradentes, comemorado em 21 de abril.

Quem estava esperando chegar mais perto para comprar uma passagem para Rio de Janeiro ou para São Paulo para curtir os desfiles, já pode fazer isso, pois, ao que tudo indica, vai mesmo acontecer! Para quem quer tirar o atraso, dá até para ir num final de semana para uma cidade e, no seguinte, para a outra.

Programação Rio

Na Sapucaí do Rio de Janeiro, a programação é que as escolas de samba se apresentem em cinco dias: em 20 e 21 de abril, entrarão na avenida as agremiações da Série Ouro (ou grupo de acesso); já os dias 22 e 23 de abril estão reservados para as escolas do Grupo Especial.

No dia 30 de abril, deve acontecer o Desfile das Campeãs, com as seis escolas mais bem colocadas no ranking geral da competição. Esse evento é uma boa opção para quem quer ver os desfiles cariocas, mas prefere evitar viajar no feriadão.

No bairro do Campinho, na Zona Norte, tem outro lugar com desfiles, mais acessíveis que na Sapucaí. As escolas dos grupos de Avaliação, Bronze, Prata, B e C vão se apresentar na Estrada Intendente Magalhães, nos dias 21, 22, 29 e 30 de abril, além do feriado de 1 de maio.

Programação São Paulo

No Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, também estão previstos cinco dias de desfiles: 16, 21, 22, 23 e 30 de abril. No dia 16, saem as escolas do grupo de Acesso II e, no dia 21, as do grupo de Acesso. Nos dias 22 e 23 de abril, entram na avenida as 14 agremiações do Grupo Especial.

Assim como no Rio de Janeiro, no sábado seguinte, dia 30 de abril, São Paulo também realiza o Desfile das Campeãs no Sambódromo.

E os bloquinhos?

Para quem prefere curtir bloquinhos na rua, a programação ainda não é tão certa. Muitos estão reivindicando desfiles, tanto em São Paulo e no Rio quanto em outras capitais onde o Carnaval é forte, como Recife e Salvador. Por enquanto, no entanto, ainda não foi autorizado nenhum desfile desse tipo pelas prefeituras. 

Ao que tudo indica, oficialmente, os desfiles de rua vão ficar para 2023. O que não impede que alguns aconteçam, a exemplo do que rolou no Rio e em Olinda durante os dias de Carnaval deste ano. Quem estava lá, acabou conseguindo curtir vários bloquinhos clandestinos.

Pode ser uma boa ideia programar uma viagem para esses locais no feriado de Tiradentes, porque, mesmo que não rolem bloquinhos, os bares e as baladas certamente estarão movimentados, cheios de turistas em “clima de Carnaval”. Os mais tradicionais já estão preparando uma programação toda especial.

Além disso, assim como aconteceu durante o feriado de Carnaval, estão anunciadas várias festas privadas com essa temática para o final de semana do feriado de Tiradentes. Quem ainda não foi a nenhuma, pode se sentir mais seguro de ir agora que os casos de covid-19 seguem em baixa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.