5 ideias de lojas virtuais de segmentos em crescimento

Segundo um relatório da empresa Neotrust, no primeiro trimestre de 2021 houve um crescimento de 57,4% em vendas online no Brasil. A pandemia só trouxe reflexos positivos para vendas online, já que é necessário manter isolamento social. Isso faz menos pessoas comprarem em lojas físicas. 

Por isso, é uma boa ideia investir em uma loja online para alcançar a independência financeira ou até conseguir uma renda extra. Descubra 5 ideias de lojas virtuais de segmentos em crescimento no Brasil. 

1 – Pet shop

O segmento de pet shop só cresceu durante a pandemia. A tendência é que o hábito do consumidor se mantenha o mesmo depois da quarentena. Uma loja online de pet shop oferece mais variedades e preços mais acessíveis em produtos para animais de estimação. Dessa forma, é mais eficaz, prático e rápido comprar pelo notebook ou mesmo smartphone.

Aconteceu um aumento de 56% em faturamento e aumento de 48% em pedidos online por donos de animais de estimação. Por isso, uma loja de pet shop virtual é um investimento certeiro.

2 – Sex shop

Mesmo antes da pandemia, os consumidores tinham preferência por comprar produtos eróticos online. Isso porque alguns demonstram vergonha de comprar em lojas físicas. Uma das maiores buscas é pelo vibrador feminino preço.

Segundo um artigo publicado na CNN Brasil, houve um aumento de 475% nas vendas online de produtos eróticos durante a pandemia. Jogos eróticos e comestíveis eróticos estão entre os produtos mais comprados.

3 – Alimentos

Como aconteceu com os produtos eróticos, antes da pandemia os aplicativos de delivery para alimentação também estavam em crescimento. Só que durante a quarentena, a solicitação por alimentos delivery aumentou.  O aumento no faturamento do segmento foi de 34% com crescimento de 8% nos pedidos.

Muitos clientes procuraram as vendas online como solução para fazer compras, pedir refeições delivery e até ingredientes para cozinhar em casa.

4 – Casa e decoração

Com mais tempo em casa, os consumidores decidiram tornar o lar um lugar mais confortável, bonito e funcional. O aumento no segmento em vendas foi de 155% e de 67% nos pedidos online.

Isso mostra que o consumidor está investindo em qualidade de vida nos ambientes de suas residências, já que estão melhorando todos os espaços.

5 – Moda

As lojas online de roupas e calçados apresentaram um crescimento alto durante a pandemia e se tornou uma boa ideia de negócio virtual para você investir.

Entre as principais vantagens encontradas pelos consumidores, as que mais se destacam são: redução dos valores de frete, melhoria de condições de troca e devolução, anúncios em redes sociais e maior oferta de lojas online de moda.

Em setembro de 2021, a moda era o segmento que mais cresceu em toda pandemia, totalizando 1,8 milhão de itens vendidos no período entre janeiro e novembro de 2020.

O crescimento do e-commerce vai continuar depois da pandemia?

Dá para perceber que não apenas as empresas estão lucrando mais online, como o hábito de consumo dos clientes está se moldando. Se antes era mais atrativo ir em uma loja física e experimentar roupas, com a pandemia a situação mudou.

A previsão de vários estudos é que mesmo com a retomada gradual de lojas físicas, os segmentos online continuarão em crescimento. Da mesma forma, as lojas físicas estão se aprimorando para atender seus clientes online. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *